Movimentos Sociais recebem apoio do PSDB durante anúncio da Carta do Povo Brasileiro

15 de Abril de 2015, 20:30

Representantes de 26 movimentos sociais estiveram reunidos com parlamentares nesta quarta-feira (15), para a leitura da “Carta da Aliança dos Movimentos ao Congresso Nacional”. O grupo defende o enfrentamento da corrupção com o fim da impunidade, choque de ordem e transparência no processo eleitoral e na gestão pública.

Em março e abril deste ano, cerca de três milhões de brasileiros foram às ruas se manifestar contra a corrupção e a crise econômica que envolve o governo do PT. A pauta do movimento reflete os anseios de muitos brasileiros e a luta da oposição contra dos desmandos da gestão da presidente Dilma Rousseff.

Para o deputado sorocabano Vitor Lippi, a ida desses movimentos ao parlamento é fundamental. “A mobilização das pessoas dá legitimidade às mudanças que o país precisa. A carta colocou com muita clareza o que esperam do Congresso. Acredito que ouvir essas lideranças é o melhor para o país”.  

O documento da Aliança Nacional dos Movimentos ressalta que a democracia está fragilizada e que o povo brasileiro está envergonhado e merece respeito. “O povo cansou do desrespeito, impunidade reinante. Nós, cidadão brasileiros, vivemos uma sensação de desesperança.” diz o texto.